Esportes e Meio Ambiente: a hora é do Planeta!

Esportes e meio ambiente têm tudo a ver, principalmente as modalidades que são praticadas na natureza. E a natureza anda mal: poluição e aquecimento global são apenas dois dos maiores problemas que o mundo enfrenta.

Podemos ajudar a mudar esse quadro com pequenas – porém, importantíssimas – atitudes, como não jogar lixo no chão.

esportes

 

Existe uma palavra que é chave para reverter essa situação: sustentabilidade.
Ela envolve TUDO o que fazemos no nosso dia a dia e que pode trazer um impacto positivo: reduzir custos, reutilizar e reciclar.

Esportes = Sustentabilidade?

Existem diversas iniciativas e projetos.
Um deles, por exemplo, prevê que as medalhas láureas das Olimpíadas de Tóquio sejam feitas de material eletrônico reciclado. Bacana, não?

 

esportes

 

E tem mais: existe até mesmo um projeto sustentável incrível, criado aqui no Brasil, no Morro da Mineira (RJ), onde o campo de futebol é composto por placas subterrâneas com sensores para recolher toda a energia cinética gerada pelos movimentos dos jogadores durante as partidas.

Assim, a energia do esporte se transforma em energia elétrica, que abastece a quadra da comunidade!

 

Imagina só! 

As iniciativas não param por aí…

Mesmos sozinhos, nós podemos melhorar o mundo (nem que seja um pouquinho por vez). Um exemplo disso é o baiano Bruno Jacob, atleta de jet ski freeride.
Ele resolveu fabricar seu próprio equipamento, mas utilizando combustíveis de óleos biodegradáveis.

esportes

 

No fim, ele conseguiu um equipamento com fibra do casco derivado da garrafa pet e com uma parte de aço que vem da sucata.
O motor ainda é importado, pois não existem fabricantes no Brasil. Além de vender o produto em terras brasileiras, ele também exporta seu equipamento.

 

ECO SUP

Um grupo de praticantes de Stand Up Paddle que se exercitam na Baía de Todos os Santos reuniram atletas da região – tanto amadores quanto profissionais – e, junto com o mergulhador Bernardo Mussi e seu grupo Fundo de Folia, promoveram uma ação de conscientização para recolhimento de lixo na região.

 

esportes

O resultado foi a coleta de quase meia tonelada de lixo, incluindo geladeiras, fogão e até duas bicicletas!

FUTSAC

O futebol de saco também dá sua contribuição à sustentabilidade: o futsac utiliza uma bolinha (que só pode ser tocada pelos pés, tronco e cabeça) revestida de crochê e com enchimento de grãos de garrafa pet.

 

esportes
Não bastasse isso, a Sede da Confederação Brasileira de Futebol de Saco (CBFSac) conta com uma quadra feita com borracha de pneu reciclado e compactado.

 

Ações como essa inspiram e dão esperança diante desse triste quadro que o nosso mundo vive. E você, o que pode fazer para contribuir com a sustentabilidade da sua região?

logo-twodogs-s-w

(41) 3046-0337

Newsletter

Downloads

© Copyright 2016 - Two Dogs | Desenvolvido por Fresh Lab Agência Digital