fbpx
Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

5 para atletas brasileiros que você precisa conhecer

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Você conhece algum para atleta dessa lista? Confira!

No dia 23 de agosto, iniciavam-se os jogos Parapan-Americanos de 2019, em Lima no Peru. Ao fim, domingo 1º de setembro, o Brasil teve seu melhor desempenho da história, levando pra casa 308 medalhas, terminando na liderança pela quarta edição consecutiva.

Mas você sabe algum atleta que esteve por trás desse feito? Provavelmente não! A Two Dogs te ajuda

Vamos apresentar 5 para atletas brasileiros que fizeram com que tudo isso fosse possível!

1. Daniel de Faria Dias
para atleta daniel dias

Daniel, 31 anos, é o principal atleta paraolímpico da natação brasileira na atualidade. Nascido na cidade de Campinas, em São Paulo, nasceu com uma má formação congênita nos membros superiores e na perna direita.

Ele descobriu o esporte com 16 anos, inspirado por outro atleta paraolímpico, Clodoaldo Silva. Em sua ultima competição, os jogos Parapan-Americanos, Daniel levou 6 ouros e teve 100% aproveitamento.

Daniel Dias, em 2019, alcançou a inédita marca de 33 medalhas de ouro em 33 provas disputadas em Parapans desde o Rio 2007.

Facebook: https://www.facebook.com/danieldias.esp.br/

2. Petrúcio Ferreira
para atleta petrucio

Petrúcio perdeu parte de seu braço direito aos dois anos de idade, quando mexeu em um moedor de capim. Nascido na Paraíba, descobriu aos 15 anos o atletismo paralímpico assistindo os Jogos de Londres pela TV.

Nos jogos parapan de 2019, o para atleta levou duas medalhas de ouro: 100 e 400 metros rasos.

Facebook: https://www.facebook.com/petruciot47/

Insta: @petrucio_t47

3. Josiane Dias de Lima
para atleta josiane dias

Natural de Florianópolis, Josiane em 2004, dois anos após se formar em Educação Física, sofreu um acidente de motocicleta e atrofiou a perna esquerda.

Apesar de não ter participado do Parapan, a para atleta participou do Mundial de Remo e Remo Paralímpico 2019 foi disputado em Linz, na Áustria, onde conquistou uma vaga para os jogos paralímpicos de Tóquio 2020.

4. Terezinha Guilhermina
para atleta terezinha guilhermina

Essa para atleta já faz parte da velha guarda, mas com certeza tem a sua importância quando tratamos de para atletas mais novos.

A velocista nasceu com retinose pigmentar, doença congênita que provoca a perda gradual da visão. Conquistou seu primeiro ouro nos 200m em Pequim 2008. Em 2012 na cidade de Londres, Terezinha venceu em duas provas: dos 100m e dos 200m rasos.

A história de medalhas continuou no Rio 2016, onde a atleta voltou a subir ao pódio outras duas vezes, acrescentando uma prata e um bronze em sua jornada.

Insta: @terezinhaguilherminaoficial

5. Antônio Tenório da Silva
p

Nascido em São José do Rio Preto, em São Paulo, o para atleta Antônio Tenório da Silva fez história em Atlanta 1996 ao se tornar o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha de ouro em na modalidade.

A deficiência veio aos treze anos, quando em uma brincadeira levou uma estilingada de semente de mamona no olho esquerdo, perdendo a visão. Seis anos depois, uma infecção tirou a visão do outro olho, o deixando completamente cego.

A sexta participação do para atleta foi em casa, no Rio 2016, onde ele aumentou a coleção de medalhas com uma prata na categoria até 100kg.

E aí? Conhecia algum desses super atletas? Comenta aqui em baixo 😉

Siga-nos nas redes sociais: facebook e instagram

LANÇAMENTO | Linha Verão 2020