Menu
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Não há produtos no carrinho.

CARRINHO

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

De onde surgiram os longboards?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A prática do skate longboards surgiu na Califórnia no início dos anos de 1950 quando os skatistas estavam procurando um esporte que conectasse com o snowboard, skate e surf.

A prática começou a se tornar popular quando os surfistas aderiram ao movimento e passaram a usar o longboard como forma de treino sob a prancha quando o mar não estava em boas condições para surfar.

LONGBOARDS

Os longboards começaram a serem comercializado em grande escala a partir do ano de 1959 e distribuídos entre lojas de brinquedo e conveniência.

Os primeiros modelos foram fabricados com fibras de vidros mas rapidamente foram detectados como periogosos para o praticante.

O conjunto de trucks (a parte de metal que liga a prancha nas rodas) foi sendo aprimorado e, mais tarde, no ano de 1973, o conjunto de rodinhas passaram a ser compostas de uretano, um componente bem parecido com a borracha, proporcionando melhor aderência nos asfaltos.

Todas essas melhorias ajudaram a tornar o esporte mais leve e seguro.

O skate longboard se tornou um meio de transporte sofisticado e atraente. Proporciona maior liberdade nos movimentos e ainda pode ser usado facilmente como um meio de transporte.

Para aqueles de desejam abusar das manobras, o longboard também é muito bom para realizar rotações, curvas e pegar velocidade.

LONGBOARDS

TIPOS DE LONGBOARDS

Primeiro, você precisa entender para qual finalidade irá usar o longboard. Se irá usar para descer grandes ladeiras, pegar velocidade ou se utilizará para passeios mais tranquilos.

Para os que curtem mais a adrenalina e movimentos ousados, o recomendado é utilizar um longboard com rodas menos rígidas. Elas possuem uma fixação e flexibilidade maior com o solo e ajuda a evitar quedas.

Se você utilizará para passeios ou para manobras mais tranquilas, aposte em um longboard com rodas mais duras. Assim, você terá mais resistência no contato com o chão.

Não esqueça dos equipamentos de segurança! Eles vão te proteger de qualquer tipo e intensidade de queda 🙂

LANÇAMENTO